Há famílias que cozinham juntas mesmo à distância e o resultado é delicioso

Há quem tenha família espalhada pelo mundo e, periodicamente, organize encontros algures a meio do caminho. Se por um lado a pandemia travou planos de reunir fisicamente, por outro, terá aumentado a disposição para o convívio digital.
 
Além do tradicional grupo de WhatsApp e de reuniões frequentes, uma das novas actividades familiares que algumas famílias organizam regularmente são sessões de culinária por videoconferência, nas quais muitas vezes até resgatam receitas antigas da avó, além de partilhar pratos favoritos.  
Entre vários cidades ou mesmo países, há momentos mesmo bonitos em que as pessoas quase sentem que estão juntas, na casa de umas ou das outras, às gargalhadas, a trocar dicas e a partilhar aquela cumplicidade que só existe na cozinha (quantos romances já discursaram sobre a centralidade da cozinha nas relações familiares!).
 
Cozinhar (e comer) juntos, redescobrir os sabores da infância e aprender uns com os outros aproxima, mesmo diante de tanta incerteza de quando estaremos realmente juntos de novo. Partilhamos uma receita de um desses encontros, da autoria de Flora Bahri. Tem um toque criativo e é perfeita para variar nas sobremesas ou até no pequeno-almoço.  

Crumble de Maçã e Beterraba 

Ingredientes:

2 beterrabas médias
4-5 maçãs sem casca
Limão a gosto
150g açúcar
200g óleo de côco frio (podem substituir por azeite, margarina, ou manteiga para ovo-lactos)
200g aveia em flocos 
100g farinha de trigo
100g chocolate em barra 80% (vegano ou ovo-lacto)
Raspas de limão q.b. (opcional)
 
Nas palavras da autora. Sempre gostei de fazer crumble porque é uma receita versátil, e esta combinação de beterraba com as frutas é deliciosa, perfumou a casa inteira! É uma receita simples, que dá para fazer com crianças. É uma sobremesa afectiva.

Instruções:

Pré-aqueçam o forno a 180 graus. As beterrabas e frutas devem ser cortadas na seguinte ordem de tamanho: beterrabas (pedaços pequenos), maçãs (pedaços médios) e pêras (pedaços grandes). Distribuam numa forma ou recipiente de cerâmica que possa ir ao forno. Espremam o sumo de limão por cima. Quebrem a barra de chocolate em pedacinhos e espalhem junto com as frutas. 
Numa tigela, juntem o restante dos ingredientes: açúcar, farinhas, óleo de côco e as raspas de limão. Misturem com as mãos ou garfo até que o óleo de côco esteja incorporado com as farinhas. Deitem a mistura seca por cima das frutas – o ideal é ter dois dedos de fruta, bem cobertos por um dedo de massa. 
Assem por 25-30 minutos, ou até a massa dourar e as frutas estarem macias. 

Observações: 

As combinações de farinha podem variar – pode ser usada a farinha de amêndoa, a farinha de coco, ou o que tiverem disponível em casa. O mesmo para a combinação de frutas, o importante é buscar um contraste entre os sabores doce (beterraba) e ácido (maçã). 

Texto: Bia Farão | Coimbraveg
Fotos: Mathilde Langevin, Tina Dawson, Dilyara Garifullina/Unsplash

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.