Coimbra é uma polaroid III

“Há moradias que eu imagino como cenários de livros que li. Outras são pormenores arquitectónicos de determinadas épocas ou aspectos revivalistas. Quando há moradias geminadas gosto de apreciar o que cada proprietário fez à sua parte, é revelador do gosto e personalidade das pessoas – há pessoas muito zelosas da sua privacidade e que tapam tudo, por exemplo. Quando há crianças também se notam os brinquedos, as bicicletas.”

Há várias formas de visitar e descobrir a cidade e uma delas, bem bonita, é através das fotografias de Paula Vale Marques. Entre passeios a pé e de autocarro, Coimbra acima e Coimbra abaixo, a co-criadora da Mapas CCC capta e partilha constantemente fragmentos da cidade no Instagram e Facebook da marca. É a Paula que também pesca tudo o que se passa na cidade e faz a Agenda da Coolectiva, desde que a desafiámos a integrar a revista no Verão 2018. Como partilhar é connosco, publicamos aqui alguns conjuntos destas polaroids. Depois das árvores e janelas, os prédios que lhe roubaram a atenção nos passeios higiénicos, durante o confinamento, devido à pandemia de covid-19. Conseguem identificar onde ficam?

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.