Há um Cubo Mágico em Viseu com espectáculos seguros

Como forma de impulsionar a retoma económica e a agenda cultural da região, o Município de Viseu criou o chamado Cubo Mágico, um conceito de programação alternativa e multidisciplinar que conta com 8 faces distintas: Tradições do Feirar, Luz, Câmara, Acção, Concertos e Espectáculos, Rua Direita, Mercados e Gastronomia, Arte Urbana, Saúde e Bem Estar e Exposições e Oficinas.

O programa, que teve início em 21 de Julho e termina a 21 de Setembro, inclui mais de 600 micro-eventos em 18 locais da cidade de Viseu, todos validados por um rigoroso plano municipal de protecção civil. Na página oficial do Cubo Mágico, lemos que dispersar no tempo e no espaço é a chave de ouro para uma programação segura neste desconfinamento.

Programa

A agenda de eventos do Cubo Mágico está recheada e podem pesquisar por local, por categoria ou pela data do evento.

Encontram iniciativas relacionadas com as tradições do feirar, uma forma da Feira de São Mateus se reinventar neste ano de pandemia, sessões de cinema, concertos e outros espectáculos. A Rua Direita, a principal artéria comercial de Viseu, vai ser ocupada por um conjunto de actividades distintas como animação de rua, exposições e concertos. No plano dos mercados e gastronomia, contam com eventos de comes e bebes que marcam o património gastronómico da região, sem esquecer o cunho de cidade vinhateira do Dão. A cidade celebra ainda 6.ª edição do festival de Arte Urbana que traz a Viseu várias obras na cidade e nas freguesias periféricas, da autoria de artistas nacionais, internacionais e da região, que podem explorar e registar. O programa conta com exposições e oficinas para públicos distintos nos gostos e nas idades. Os espaços exteriores são também pontos de encontro para actividades de saúde e bem-estar.

Esta programação recupera o adn de 10 eventos cancelados como consequência da pandemia que vivemos, dando um palco especial aos artistas e aos promotores culturais locais.

Como organizar 600 eventos seguros em tempos de pandemia?

Todos os eventos têm lotação definida e controlada através de um sistema de bilhética. Desta forma, é necessário adquirir o bilhete na página oficial do Cubo Mágico, com recurso à plataforma blueticket (independentemente de a entrada ser paga ou não) para garantir a entrada no evento.

Os espaços têm circuitos de circulação definidos, é importante cumprir as indicações colocadas à entrada de cada um dos locais. Todos os locais têm à disposição do visitante dispensadores de álcool-gel. Os participantes devem cumprir o distanciamento social definido pela Direção Geral de Saúde e as indicações de segurança dadas pela equipa no local.

PUB

Como tem sido habitual, viajámos até Viseu a bordo do modelo DS3 Crossback. Com uma silhueta requintada, é um SUV citadino com uma dimensão simpática, robusto e que nos transmite segurança e conforto também em viagens mais longas. 

Na região Centro, o único ponto de venda existente é a DS Store Coimbra, localizada no n.º 12 da Rua da Casa Meada, em Antanhol, mais propriamente nas instalações do grupo Automóveis do Mondego. Estão convidados a conhecer melhor este e outros modelos na DS Store Coimbra. A DS Portugal apoia o trabalho desenvolvido pela Coolectiva através da cedência de uma viatura para deslocações da redacção.

Texto: Joana Pires Araújo
Fotos: Cubo Mágico e Joana Pires Araújo

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.