Tic Tac: neste jogo têm 60 minutos para ganhar ou perder

Temos sempre um pé no ar para um desafio e regressámos a uma misteriosa moradia do Bairro Norton de Matos (em Coimbra), que fica no n.º 22 da Rua Bartolomeu Dias, para experimentar um jogo de fuga (escape game) no Tic Tac Boom. Passámos 60 minutos com o espírito de equipa em alta, a viver uma aventura num ambiente divertido que nos permitiu fugir da rotina, sair da zona de conforto, pensar fora da caixa e rir – rir muito. 

O conceito de sala de fuga (escape room) surgiu na Hungria e, actualmente, há milhares de salas espalhadas por todo o mundo que prometem desafiar o intelecto. Não há nada de assustador na experiência e a única coisa que impõe respeito neste escape room em Coimbra, um dos primeiros que apareceram em Portugal, é que apenas 15% dos jogadores conseguem terminar a missão de que foram incumbidos em menos de uma hora.

Jogos

No Tic Tac Boom, há diversão para crianças e adultos, com jogos para crianças entre os 8 e os 14 anos e desafios mais exigentes para participantes a partir dos 14 anos. Cada um deles tem a duração de 1 hora, sem quaisquer interrupções. Os jogos podem decorrer em simultâneo e cada equipa deve ser constituída por 2 a 5 pessoas que vão ter de trabalhar em conjunto, usar a destreza mental, criatividade e imaginação para conseguirem sair. Há pistas, charadas, quebra-cabeças e puzzles que vão surgindo de forma sequencial, ou seja, a solução para cada etapa traz novos elementos que ajudam a resolver o enigma seguinte.

Este programa pode ser ideal para comemorar de forma original um aniversário, fazer uma acção de team building ou uma despedida de solteiro ou para simplesmente experimentar algo novo.

A Missão

Avançámos com A Missão e João Alves, também conhecido por Game Master, fez-nos uma pequena introdução, antes de descermos à cave: seria o Professor Vilaça, que um dia ali viveu, uma extraordinária mente ou um impostor? Existirá uma fórmula secreta que explique o seu brilhantismo? Aceitam o desafio?

Lá descemos as escadas, convencidas de que conseguiríamos obter todas as respostas mas, ao fim de uma hora, foi João que nos abriu a porta de saída – e já queremos outro jogo, de novo convencidas que vamos conseguir desvendá-lo.

Durante aqueles 60 minutos, a nossa equipa andou num contrarrelógio frenético mas sempre acompanhada de um walkie-talkie que tocava sempre que nos afastávamos demais do passo seguinte ou quando nos perdíamos num dilema que não interessava nada ao jogo. Do lado de lá, a voz do Game Master, atento aos nossos passos e ao nosso raciocínio, disposto a desembrulhar algum nó na cabeça mas sem nos dar qualquer resposta.

O desafio também teve direito a banda sonora que imprimiu (ainda mais) tensão ao desafio e que nos transportou para um filme de acção onde fomos protagonistas.

Marcações

Todos os jogos são marcados antecipadamente, no próprio site do Tic Tac Boom, basta seleccionarem o jogo que querem experimentar e o horário mais adequado, a partir das 18h30 aos dias de semana ou ao fim-de-semana, entre as 10h30 e as 22h30.

Texto: Joana Pires Araújo
Fotos: Joana Pires Araújo e Tic Tac Boom

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.