8 ideias para um fim-de-semana em cheio

Em tempos de desconfinamento, os dias passam a diferentes velocidades, entre o online e o presencial, as rotinas e o regresso aos lugares de sempre que têm agora aquele sabor de primeira vez.

Aos poucos, a nossa Agenda começa a ficar recheada de propostas de programas para ocupar as semanas: exposições, tertúlias, concertos, leituras de histórias e muito mais.

Contos, Mitos e Lendas de Coimbra

Este é um projecto constituído por 4 sessões de contos, narrados por contadores profissionais, em ambientes de claustros de mosteiros da cidade, para o público em geral. Ana Lage é a contadora da estreia desta iniciativa que acolhe, presencialmente, até 15 pessoas, devido às medidas de segurança e saúde vigentes. Na mesma hora, em directo, a sessão é transmitida online.

Quando? Sábado, 20 de Junho, às 18h
Onde? Claustros do Colégio de São Jerónimo (UC)
Quanto? Gratuito

Warm Up das Festas da Cidade

Um concerto em formato drive-in com José Cid como cabeça de cartaz e com a dupla de djs Fabior e Filipe Sanches a iniciar a noite. Os bilhetes devem ser comprados antecipadamente e dão acesso a um veículo ligeiro de passageiros, com entrada feita por ordem de chegada.

Quando? Sábado, 20 de Junho, às 20h30
Onde? Praia fluvial do Rebolim
Quanto? 25€/viatura

Festival Regresso ao Futuro

21 concertos acontecem em simultâneo por todo o país para reafirmar a vocação dos Teatros Municipais para a sustentabilidade da cultura em Portugal e a sua contribuição para a circulação artística. As receitas de bilheteira serão entregues ao Fundo de Solidariedade para a Cultura, criado pela Audiogest (associação que representa produtores musicais) e a GDA (Gestão dos Direitos dos Artistas). O objectivo é apoiar os profissionais do sector cultural que se encontram afectados pela crise. O público é ainda convidado a levar alimentos não perecíveis para entrega nos teatros, que serão distribuídos junto dos profissionais que se encontram em situação de maior vulnerabilidade alimentar.

Quando? Sábado, 20 de Junho, às 21h30
Onde?
Albergaria-a Velha - Cineteatro Alba | Bárbara Tinoco
Aveiro - Teatro Aveirense | The Black Mamba
Castelo Branco - Cine-Teatro Avenida | Tiago Bettencourt
Estarreja - Cine-Teatro de Estarreja | Fernando Daniel
Figueira da Foz - Centro de Artes e Espectáculos | Aurea
Ílhavo – Casa da Cultura | Herman José 

Leiria - Teatro José Lúcio da Silva | Agir
Oliveira do Bairro - Quartel das Artes | Ana Moura 
Ovar - Centro de Arte de Ovar | Pedro Abrunhosa
Torres Novas - Teatro Virgínia | António Zambujo
Quanto? 10€

Exposição Cidades e Lugares, de Nadir Afonso

Na obra do artista, as cidades são constituídas por arquitecturas de linhas e formas, que no conjunto se modelam em volumes num equilíbrio estável, os fundos brancos imperam, as linhas que compõem os edifícios surgem numa simbiose de forma e cor. 

Quando? Até 30 de Junho
Onde? Museu Nacional de Machado de Castro
Quanto? Gratuito

Exposição Cidades e Lugares, de Nadir Afonso

Na obra do artista, as cidades são constituídas por arquitecturas de linhas e formas, que no conjunto se modelam em volumes num equilíbrio estável, os fundos brancos imperam, as linhas que compõem os edifícios surgem numa simbiose de forma e cor. 

Quando? Até 30 de Junho
Onde? Museu Nacional de Machado de Castro
Quanto? Gratuito

Exposição In_pulso(s) em Coimbra, de Rui Gaspar

Predominantemente aguarelas, estes são os impulsos (in_pulso(s)) de Rui Gaspar, em Coimbra, que resultaram da sua necessidade interior de pintar. Aproveitem a visita ao Liquidâmbar para um final de tarde sossegado – mesmo sozinhos, estarão bem acompanhados pelos trabalhos do artista.

Quando? Até 2 de Julho
Onde? Bar Liquidâmbar
Quanto? Gratuito

Exposição Sem Chão, de Xana Abreu

Conhecida por Xana Toc-Toc para os mais novos, pelas músicas no Canal Panda, Xana Abreu tem várias faces e tem dado cartas, em Portugal e no estrangeiro, pelos trabalhos de arte plástica. Este é um bom pretexto para uma visita ao Museu da Água.

Quando? Até 16 de Julho
Onde? Museu da Água de Coimbra
Quanto? Gratuito

Exposição Entre o Volume e o Plano, de Jose Perozo e Eduardo J. Ortún

Mostra, onde a escultura de Jose Perozo habita a pintura de Eduardo J. Ortún. As paisagens, dotadas de uma singeleza complexa e carregadas de um cromatismo expressionista, convidam à meditação, e envolvem as esculturas oníricas e introspectivas de personagens construídas por meio da arquitectura.

Quando? Até 30 de Julho
Onde? PO.RO.S - Museu Portugal Romano em Sicó (Condeixa-a-Nova)
Quanto? Gratuito

Tertúlia Pais Sem Pressa

A partir da leitura da história Artur e as Pessoas muito Apressadas, por Sofia Correia (Livraria Faz de Conto), os participantes são convidados à reflexão, orientada por Sofia Pereira (fundadora e membro da Academy4you e Educadora Parental em Disciplina Positiva), sobre o conceito de slow parenting e sobre a importância de desacelerar.

Quando? Domingo, 21 de Junho, às 11h
Onde? Online, na plataforma Zoom
Quanto? Gratuito mas sujeito a inscrição

Texto: Joana Pires Araújo
Fotos: Ana Lage, Joana Pires Araújo, Tiago Bettencourt, António Zambujo, Herman José, Centro de Artes Nadir Afonso, Rui Gaspar, Museu da Água de Coimbra, PO.RO.S - Museu Portugal Romano em Sicó, Academy4you

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.