Estes Concertos para Bebés vão continuar a acontecer e são seguros

Em momentos desafiantes, como este período de tempo que atravessamos por causa da pandemia mundial do novo coronavírus, há sempre alguém que rasga uma ideia inovadora e que nos ajuda a sorrir. É o caso de Paulo Lameiro e da empresa Musicalmente, uma produtora de concertos para bebés que apresenta espectáculos em diversas salas portuguesas como no Convento São Francisco (Coimbra), no Teatro Miguel Franco (Leiria), no Teatro Stephens (Marinha Grande) e também no Centro Cultural Olga Cadaval (Sintra). Porquê? Já vamos explicar tudo.

Num comunicado que chegou à nossa redacção, a Musicalmente surpreende-nos e avança com a continuação dos Concertos para Bebés porque os bebés não sabem o que é o COVID 19, e não compreenderiam porque não haveriam os seus concertos este fim de semana. Parece uma loucura mas das boas. É que não se trata de um espectáculo numa sala de concertos convencional, mas de uma transmissão em directo a que qualquer pessoa pode assistir, a partir de sua casa. O primeiro Concerto tem lugar no dia 15 de Março, às 11h.

Quando se realiza o primeiro Concerto para Bebés com transmissão LIVE?
A Musicalmente vai realizar os Concertos a partir da sua sede em Pousos (Leiria). O primeiro Concerto vai ter lugar já este Domingo (dia 15 de Março) às 11h, e terá como solista Daniel Reis no HANG. Bebés em Transe é o tema do programa.

Como assistir aos Concertos para Bebés a partir de casa?
Basta enviar um e-mail para producao@musicalmente.pt até às 10h de Domingo, dia 15 e recebem um Guia para preparar o melhor ambiente em vossas casas que permita intensificar esta experiência com os vossos bebés.

Tinham um bilhete comprado para uma sessão dos Concertos para Bebés?

Podem reaver o dinheiro dos bilhetes contactando a bilheteira da sala. No caso dos bilhetes adquiridos na Ticketline.pt, devem solicitar o reembolso através do endereço ticketline@ticketline.pt.

Os artistas, em especial os das artes performativas, conhecem bem as consequências que uma situação como esta lhes provoca. A história ensinou-lhes que são os primeiros a verem a injusta e permanente ausência de direitos juntar-se a outros dramas. Mas também nos habituámos à cumplicidade de tantas famílias que, nas manhãs de Domingo, optam por connosco e seus bebés experimentarem a música num ambiente familiar único. Assim continuará a ser. (Paulo Lameiro)

Texto: Joana Pires Araújo
Fotos: Concertos para Bebés

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.