Ponham os phones e descubram 5 videoclipes de música feita por cá

Gostam de telediscos ou de descobrir nova música? Da pop à música ligeira, passando pelo hip hop e o arrojo de combinar fado com música electrónica, do telhado de uma autocaravana estacionada nas montanhas até às escadas da Sé Velha, estes 5 videoclipes foram feitos em 

 

Vem o vento 

É o primeiro videoclipe de Nuno Sá, músico e compositor de Coimbra, filmado por Rafael Almeida.  Apesar de ser o primeiro oficial, na página do Youtube podem ver vários outros registos, inclusive esta interessante cover do tema Vejam Bem, de Zeca Afonso. Desde os 18 que Nuno compõe as próprias canções, já pertenceu a diversas bandas como baixista, guitarrista, vocalista e compositor.

 

Coimbra e na região, alguns com milhares de visualizações no Youtube, de nomes como Nuno Sá, Diogo Mendes, Xpressivo Lírico, Hugo Martins e Eduardo Branco. A realização é de Tiago Cerveira, Rafael Almeida, Henrique Patrício e Nuno Trindade. 

Infância

Faz parte do primeiro EP a solo de Hugo Martins, que trocou o Porto natal por Coimbra, onde deu os primeiros passos na música ainda enquanto estudante universitário num grupo de Fado de Coimbra. A partir de 2013 começou a fazer parte da equipa de músicos residentes do Fado ao Centro, cantou em salas como a Casa da Música e Centro Cultural de Belém e fez digressões por países como a Holanda, Moçambique, Bélgica, Alemanha e Canadá. Está a lançar-se a solo com temas pop originais e vai tocar no Salão Brazil, em Coimbra, dia 4 de Outubro.
 
 

Variações sobre o Mondego

Mistura guitarra portuguesa e música eletrónica e é ilustrado com dança contemporânea com Coimbra como cenário. O trabalho partiu do desafio lançado pelo músico, produtor e compositor Diogo Mendes, que lançou recentemente o primeiro disco a solo Portefólio, aos colegas Ricardo Silva (guitarra portuguesa) e Luís Peixoto (eletrónica), para comporem juntos uma versão do tema de Gonçalo Paredes. O videoclipe é de Tiago Cerveira, de quem já falámos aqui e aqui, e a bailarina é Clara Carvalho. 

Histórico

Foi filmado na Universidade de Coimbra, Rio Mondego, Igreja de Santo António dos Olivais, Conchada, Castelo de Montemor-o-Velho e no Mosteiro de Santa Maria de Seiça. Dividido entre a segurança privada no Castelo de Leiria e a Licenciatura em História na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, o músico e produtor Xpressivo Lírico conjuga metáforas históricas e militares e explica, através da música, o que o motiva a escrever, lançando ao mesmo tempo farpas à indústria musical.

 

Sorrir

É o primeiro single do álbum de estreia de Eduardo Branco, músico, cantor, letrista, compositor, produtor e guitarrista. O vídeo foi feito por Nuno Trindade na Baixa de Coimbra e a menina é Ana Jorge. Depois de integrar duas bandas, Eduardo lançou-se a solo com o EP Ilusão. Podem vê-lo ao vivo dia 19 de Setembro, no Salão Brazil, em Coimbra.

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.