Carlos Bica, Cristina Branco and all that jazz nas escadas mais cool do país

Ir ao jazz no Quebra já faz parte da rotina de Verão de muita gente de Coimbra e não só. Há quem diga que muitos vão para estar na conversa mas neste, como nos outros anos, há bons motivos para fechar a boca e abrir os olhos e os ouvidos no QuebraJazzHá muitos que se fartam de elogiar mas depois chegam aqui e estão na conversa, mas quem vem ver e quer ouvir que peça ao parceiro do lado para falar um pouco mais baixo, se calhar tem mais impacto do que se for eu, contou-nos Miguel Lima, proprietário do Quebra Bar e organizador do festival que arranca dia 19 de Junho e vai até ao final de Agosto.

1000_0_5344287_193857

Duas datas saltam à vista no cartaz eclético de 26 nomes de 15 projectos distintos: 2 e 3 de Agosto, com a estreia - ambicionada há muitos anos - do conhecido contrabaixista Carlos Bica, acompanhado por André Santos na guitarra e João Mortágua ao saxofone alto e soprano; e 19 e 20 de Julho, com a cantora Cristina Branco a interpretar alguns temas na apresentação do novo disco do Trio Paulo Bandeira.

Salvador Sobral e os Alma Nuestra, que no ano passado provocaram a maior enchente do festival, regressam mas desta vez para inundar o anfiteatro Colina de Camões na Quinta das Lágrimas, numa co-produção com o Festival das Artes. É no dia 25 de Julho, é o único concerto pago e, excepcionalmente, às 21h.

Fiel, mas não obcecado, o QuebraJazz mantém o lema do melhor do jazz português servido nas charmosas escadas do Quebra Costas. Estabelecendo uma comparação simbólica, este percurso tem tido tanto de escalada como de fusão, degrau a degrau conquistou o seu merecido lugar no calendário jazz nacional e no coração dos músicos que aqui tocam, frisou Miguel Lima, mentor do festival que vai na 8ª edição.

PROGRAMA

Dixie Gringos - 19 de Junho
Ricardo Formoso Origens - 21 e 22 de Junho
Unstablemates 6tet - 28 e 29 de Junho
Lokomotiv - 3 de Julho
Kintsugi - 5 e 6 de Julho
Quinteto Demian Cabaud - 12 e 13 de Julho
Trio Paulo Bandeira (com Carlos Barreto) - 19 e 20 de Julho
Alma Nuestra - 25 de Julho  (21h*)
André Fernandes Centauri - 26 e 27 de Julho
Carlos Bica (+ André Santos & João Mortágua) - 2 e 3 de Agosto
Quarteto Desidério Lázaro - 9 e 10 de Agosto
Quinteto Tomás Marques - 14 de Agosto
Daniel Neto Trio - 16, 17 de Agosto
Quinteto André Carvalho - 23 e 24 de Agosto
Quebra Ensemble + Jam Session - 30 e 31 de Agosto

Este ano o Quebrajazz foi antecipado para integrar as vésperas de 3 feriados. Os únicos repetentes são os Dixie Gringos e os Lokomotiv de Carlos Barretto, Mário Delgado e José Salgueiro, e vale a pena também destacar os novos talentos no concerto do Quinteto Tomás Marques, jovem prodígio do saxofone e nova coqueluche do jazz nacional.

Os concertos são gratuitos e começam às 22h30, excepto, como já dissemos, o dos Alma Nuestra que, se quiserem reservar, podem fazê-lo através do email festivaldasartes2019@gmail.com.

 

Texto: Filipa Queiroz
Fotos: Pedro Marques (capa), Quebrajazz


19 JUN - 31 AGO | 22H30 | QUEBRAJAZZ
Quebra Bar - Escadas do Quebra Costas + Quinta das Lágrimas, Coimbra
Site oficial | Facebook

 

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.