Querem almoçar com vista para o rio?

Vemos fotografias deste restaurante e ficamos imediatamente atraídos pela proximidade da água e pela paisagem envolvente que convida a uma refeição caprichada e sem pressas. Chama-se Sabor da Pedra e é um projecto familiar que nasceu da vontade de unir o melhor da gastronomia portuguesa num local excepcional.

O Sabor da Pedra situa-se a 12km de Tomar e a 4km da barragem Castelo de Bode e fica mesmo debruçado sobre a albufeira com vista panorâmica para o rio Zêzere. A viagem de Coimbra à barragem de Castelo de Bode demora 1 hora mas vale cada litro de combustível porque, assim que vimos a mesa onde almoçámos, sentimo-nos dentro de um postal – daqueles que mostram uma beleza natural tão especial que até duvidamos se se trata de uma ilustração.

O restaurante serve comida tradicional portuguesa e conta com diversos espaços: uma varanda com vista panorâmica sobre a albufeira, uma sala rústica com lareira, um espaço para reuniões e multiusos, um jardim que permite desfrutar das refeições no verão, uma garrafeira com venda ao público e ainda um acesso directo ao rio que possibilita a chegada fácil e rápida para os visitantes que viajam de barco.

Este é também um restaurante aberto à cultura e conta com exposições de pintura, artesanato, música, workshops e muitas outras sugestões ao longo do ano. Pode ser o espaço que idealizaram para organizar um encontro da empresa ou uma festa particular; e o próprio restaurante vai realizando alguns eventos temáticos.

Enquanto esperávamos pela mesa, ficámos à conversa na sala com lareira e fomos apreciando o aconchego da decoração. Pedimos uma tábua de presunto de bolota (delicioso) e espreitámos a impressionante carta de vinhos escolhidos a dedo, de todo o país, incluindo os premiados Chryseia, Quinta Vale Meão e Pintas.

Há outras entradas recomendadas como sopa do mar, combinado de queijos e compotas, alheira de caça, cupita porco preto, enchidos grelhados, requeijão com doce de abóbora e nozes, cogumelos silvestres salteados ou torricado de bacalhau.

A ementa é muito variada e há vários pratos de peixe que nos fizeram arregalar o olho. Conforme a época há diferentes espécies de peixe de água doce e, para além da posta de bacalhau e do polvo à lagareiro, também preparam peixes do mar que, em regra, vão à grelha apenas com flor de sal e finalizados com azeite.

Nas carnes, há verdadeiras pontas de lança como as de origem mirandesa, maronesa e porco preto, com certificação DOP (denominação de origem protegida): tornedó, naco, t-bone, lombo de porco preto e a espetada de carnes com frutas são os favoritos. No tempo mais frio, os pratos de sabores ricos e encorpados também fazem parte da carta como o cabrito no forno, o galo do campo, o pato laminado, o cozido e o arroz de cabidela. Escolhemos secretos de porco preto e os estômagos ficaram rendidos à carne suculenta e grelhada na perfeição que se cortava como se fosse manteiga.

Não tivemos coragem para nos aventurarmos nas sobremesas mas falaram-nos bem das famosas fatias de Tomar, trouxas de ovos, sericaia, toucinho do céu, tarte de framboesa, tarte amêndoa, leite creme, mousse de chocolate e peras bêbedas. Ao concluirmos as descrições da carta já ficamos com vontade de regressar mas sabemos que é melhor fazer reserva porque o que é bom também é sempre muito concorrido.

SABOR DA PEDRA

Rua Principal, Alverangel, São Pedro – Tomar

Contactos: 249 371 750, restaurante@osabordapedra.com
Site

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.