Está frio, não saem de casa depois de jantar e atacam o frigorífico, não é?

Inverno: aquela estação do ano tão apetecível para sair de casa apenas para tratar do mínimo indispensável e bastante dada a ataques de gula incontroláveis, a maioria deles depois de jantar.

Se apregoamos aos quatro ventos o bom que é ir fazer isto e aquilo fora de portas, também sabemos que ficar no sofá a ler ou a ver televisão é um programa bem apetecível.

Pedimos à nutricionista Nanci Baptista que nos ajudasse com algumas ideias para petiscar ao serão e confirmámos o que já sabíamos: faz mal comer muito à noite, um jantar leve deve ser a última refeição do dia. Se exageramos no que comemos, vamos assimilar e não conseguimos gastar essa energia enquanto dormimos.

Então e ficamos assim? Hibernamos à noite sem nadinha no estômago? A Nanci compreendeu-nos: se nos deitamos tarde, se estamos preocupados, ansiosos ou simplesmente desocupados no sofá, a tentação de cear é grande.

Anotem estes 5 snacks que são hipóteses pouco calóricas:

#1. Uma Tacinha individual de gelatina (idealmente gelatina 10kcal)

#2. Uma mão de pipocas

#3. Um iogurte aroma sólido magro ou natural

#4. Um queijinho vaca que ri light ou mini babybel light

#5. Uma mão de tremoços (caso não tenham nenhum restrição de sal)

Mas não pensem que isto é luz verde para fazer um banquete todos os dias: estes snacks não devem ser regra diariamente, são boas opções para uma excepção! E como controlamos os ataques de gula? A Nanci deu-nos uma dica: o ideal depois de jantar é ir logo lavar os dentes, cortar o mal pela raíz e assim não petiscar mais nada até ir dormir.

 

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.