No Interior é que está a virtude, dizem eles

O Wildlings é uma espécie de família. São pessoas cansadas e frustradas com a vida nas cidades, unidas pelo amor à Natureza, à ecologia, às formas de vida sustentáveis e à missão de tentar aumentar a conscientização sobre a importância da protecção e conservação da natureza. Este é o grupo de portugueses e estrangeiros a viver na Região do Pinhal Interior, Centro de Portugal, que quer mostrar como vive, convidar-vos a conhecer a beleza da zona e até, quem sabe, ajudarem a repovoá-la.
O projecto é atrair, sobretudo os mais jovens, para as áreas de baixa densidade populacional do país que sofrem com a desertificação humana. Está tudo no site, em português e inglês. A página inclui conteúdos de educação ambiental, informação sobre temas como a permacultura e o ensino circular nas salas de aulas, eventos, o livro e uma websérie em que partilham o que os levou a trocar a cidade pelo campo e os projectos em que estão envolvidos. Em baixo podem ver um episódio, realizado por Lynn Mylou e captado por Tiago Cerveira (O meio e a Gente).

 

"Vamos levar-vos em passeios selvagens, mostrar-vos os picos mais altos e os vales mais profundos de Centro de Portugal, para mergulhar nas muitas piscinas escondidas e quedas de água, tomar banho nas belas florestas indígenas, plantar sementes de inspiração e sabedoria ambiental, encontrar a intimidade em conexão e mudar a nossa perspectiva ultrapassada de riqueza Natural para riqueza Comum."

"Gostaríamos que outras pessoas conhecessem este projecto e estas pessoas que tentam respirar novamente nas fazendas abandonadas e nas aldeias."

 

A websérie deu documentário, realizado por Tiago Cerveira. Wildlings (2019) venceu o Prémio Juventude Panorama Regional do CineEco e foi distinguido como Melhor WebDoc Internacional ART&TUR 2019. 

Texto: Filipa Queiroz
Fotos: Maeve Stam

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.