Joana Corker pintou a Baixa a lápis de cor

Uma vez, a designer Joana Corker escreveu na página pessoal do Facebook: Quem se lembra da mítica loja Eduardo Neves com os seus funcionários sempre prontos para contar piadas ou perguntar adivinhas, cercados por móveis de madeira recheados de frascos, frasquinhos, pregos, materiais de construção, artigos de casa e afins? Quando fecha este tipo de loja, não fecha apenas um negócio, perdem-se histórias e amizades.
.
O post sobre a Hortícola de Coimbra gerou várias reacções, sobretudo partilhando a mesma preocupação com o desaparecimento de alguns estabelecimentos comerciais históricos da Baixa de Coimbra, e foram elas que a inspiraram a criar a Baixagrafia que agora está aem exposição na Casa da Esquina. É uma pequena viagem pela história gráfica da mítica zona da cidade que fecha o ciclo de 3 anos do Marquise, a varanda convertida em montra que albergou mais de 15 ilustradores e ilustradoras de diferentes nacionalidades na associação cultural.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Corker reuniu os reclames, sacos e recibos que tinha por casa, juntou-lhes fotografias antigas e montou a sua própria Baixografia a lápis de cor aguareláveis. A  minúcia da técnica obrigou-a a dedicar bastante tempo a cada ilustração, ao mesmo tempo que ia mexendo nas memórias visual e emocional daqueles lugares tão familiares, e a ideia é que o resultado proponha algum tipo de reflexão tendo presente que, ao mesmo tempo que as lojas desaparecem, é natural que a zona esteja sempre em mutação. Felizmente, segundo a designer conimbricense (que é também baterista, organista e vocalista da banda Birds Are Indie), parece haver no ar um sentimento de que a Baixa é um local com enorme potencial onde, além do comércio e dos serviços, se podem incentivar actividades culturais que fortaleçam a ideia de comunidade e de usufruto de um espaço público que é de todos. 

.
.

ATÉ 22 DE FEVEREIRO | BAIXOGRAFIA 
Casa da Esquina – Rua Aires de Campos 6, Coimbra
Facebook
Horário: 10h – 12h30 | 14h30 – 18h30

Deixa-nos a tua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.