COMES & BEBES

Pelos Caminhos das Maminhas, Barrigas e Suspiros da Baixa de Coimbra

Já provaram todos os doces típicos de Coimbra?

Usámos os Caminhos da Baixa de Coimbra, uma iniciativa da Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra (APBC), como pretexto para voltar a provar 3 dos 7 doces que são marca da cidade em pastelarias históricas locais:

Este slideshow necessita de JavaScript.

BARRIGA DE FREIRA 1,20€

É um dos doces mais emblemáticos e começou a ser confeccionado nos conventos no século 15 pelas mulheres ligadas às ordens religiosas de Coimbra. É feito a partir de pão, ovos, canela e mais igredientes secretos. É vendida no Nicola, a pastelaria no nº 35 da Rua Ferreira Borges que tem fabrico próprio e está aberta desde 1939. Se quiserem encomendar os contactos são nicolacoimbra@gmail.com ou 239 094 066. Está aberta das 8h às 20h.

MANJAR BRANCO – 1,40€

Ou Maminha de Freira. É uma iguaria que as monjas cistercienses  do Convento de Celas de Coimbra já confeccionavam na Idade Média. Porquê o nome? Reza a história que além de constituirem sustento para o convento, os doces também serviam de pagamento a poetas  e estudantes que todas as tardes iam aos muros declamar poemas e tentar seduzir as freiras, por isso é comum os doces terem nomes amorosos e até eróticos. Este é feito com um creme branco à base de farinha de arroz, leite, flor de laranjeira, açúcar e peito de galinha cozido (!). Encontra-se uns metros mais à frente do Nicola, na Brasileira. Fundada originalmente em 1928 por Adriano Soares Teles do Vale, que emigrado do Brasil abriu várias Brasileiras para vender o café que trazia do outro lado do Atlântico, foi recuperado por Lúcio Borges em 2012.  Os contactos são pastelaria.moeda@hotmail.com ou 239 842 299 e está aberta das 7h – 22h.

SUSPIRO – 5,50€

O mais simples mas provavelmente o mais sui generis. Só leva 3 ingredientes: claras de ovos, açúcar e sumo de limão. É difícil não dar por eles na montra da Briosa, mesmo no final da Rua Ferreira Borges. A pastelaria, recentemente renovada, fica ao Largo da Portagem e está aberta desde 1955. É um exemplo de preservação do património gastronómico e cultural que a doçaria de Coimbra representa para a cidade e não tem mãos a medir com o movimento dos turistas. Está aberta das 8h às 20h, mas se quiserem encomendar enviem email para briosamondegolds@gmail.com ou liguem o 239 821 617.

Missão cumprida. Até 15 de Julho continuaremos o nosso passeio pelo Património Doceiro da cidade. Há mais 4 doces a des ou redescobrir. Fiquem atentos!

 

 

 

 

 

 

One comment

Comenta este artigo

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.