COMES & BEBES COMPRAS

No supermercado apetece levar gelado para casa. Mas qual?

 

NANCI BAPTISTAnanci baptista
Nutricionista
nancibaptista@gmail.com

 

 

Esperando que o bom tempo tenha vindo mesmo para ficar, é inevitável não pensar em como sabe bem um gelado. Depois do almoço, a meio da tarde, ou mesmo no sofá, depois de jantar. Lembrar das esplanadas, das gelatarias, dos sabores novos, daqueles bons para a dieta que são feitos de fruta natural ou que não têm adição de açúcares. 

Como escolher? Primeiro: gelado ou sorvete? Habitualmente, o gelado é feito de leite ou nata, açúcar, e podem ser adicionados fruta ou outros ingredientes. O sorvete é feito com água, concentrado de frutas e açúcares. Por definição o segundo será menos calórico do que o primeiro, mas não é linear, é sempre importante verificar de forma rigorosa a informação nutricional do produto.

No supermercado há de tudo, mas com a mesma quantidade de gelado é possível ficarmos satisfeitos com poucas ou muitíssimas calorias! No Pingo Doce, por exemplo, encontram o gelado Pura Vida sem adição de açúcares – há de baunilha, morango e chocolate. A Olá lançou o Solero Smoothiecom pedaços verdadeiros de ananás ou morangos. São das opções menos calóricos do mercado. No outro extremo da balança, o lado dos mais calóricos, estão, por exemplo, o Cornetto Choc ‘N’ Ball (Olá), o Maxim Cookie (Nestlé) e a maioria dos McFlurry, com mais de 300 calorias. O Cornetto Vegané a opção vegetariana da Olá, feito a partir de soja e sem glúten, mas aviso já que tem as mesmas calorias dos outros cornettos já conhecidos.

Hoje em dia, não nos podemos queixar de não saber o que estamos a comer. É importante dar uma olhadela aos rótulos: ver os primeiros nomes da lista de ingredientes – que são os que existem em maior quantidade -, e ter atenção aos valores das calorias, açúcares e gorduras. Atenção, o gelado não precisa de ser o nosso pior inimigo na Operação Biquíni ou Calção de Banho 2018. Quando é para comer, que seja com satisfação. Tenham apenas em conta que, apesar de às vezes parecer, o Verão ainda não chegou e dura sempre alguns meses.

Dica: Para comer gelado e conseguir parar, a melhor opção é mesmo optar pela dose individual; se comprarem uma caixa, sirvam e voltem logo a guardar no congelador. Outra sugestão é juntar ao gelado fruta laminada e não cair na tentação de adicionar chocolate derretido por cima.

Comenta este artigo

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.