COOLTURA MIÚDOS

A que sabe Sopa de Jerimú?

Dizem que é um espetáculo a solo para uma mulher e várias abóboras. Graça Ochoa, através da companhia Circolando, apresenta na Black Box do Convento de São Francisco Sopa de Jerimú.  É um espectáculo de Graça Ochoa para a infância, maiores de 3 anos, que já anda há 5 anos de palco em palco.

Sopa de Jerimú

Na sua cozinha, uma mulher convive com os legumes, ouve-lhes os segredos e mergulha em si, descobrindo coisas que não conhecia.

Sopa de Jerimú conta com o apoio de Alberto Carvalhal, Gilberto Oliveira, Margarida Chambel, André Braga e Cláudia Figueiredo e tem textos e apoio à dramaturgia de Regina Guimarães.

A Circolando foi uma das estruturas financiadas pela República Portuguesa-Cultura /DGArtes em risco de perder o apoio governamental, mas entretanto repescada. Sob direcção artística de André Braga e Cláudia Figueiredo, desenvolve a sua actividade desde 1999 sob o conceito de transdisciplinaridade, através de um diálogo intenso entre a dança e o teatro, com forte apelo aos contributos de outros campos da criação: poesia, artes plásticas, música, vídeo.

 

14 ABRIL | 16H | SOPA DE JERIMU
Black Box do Convento de São Francisco
Bilhetes:  4€ (geral), 6€ (família, válido para 2 adultos + 2 crianças até 12 anos ou 1 adulto + 3 crianças até aos 12 anos de idade), 2€ (=/< 12 anos, =/> 65 anos, grupos =/> 10 pessoas
Contactos: bilheteira@coimbraconvento.pt, 239 857 191

 

 

 

Comenta este artigo

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.